11 de jul de 2010

Wild West - C.O.W. Boys of Moo Mesa (Arcade)


Wild West - C.O.W. Boys of Moo Mesa
Produtora: Konami
Desenvolvimento: Konami
Jogadores: 1/4
Gênero: Run'n Gun
Plataforma: Arcade

Sunset Riders foi um clássico dos arcades que migrou para o SNES (viciante) e Mega Drive (mais feio que bater na mãe com chinelo de madeira), o fato é que existiam na década de 90, poucas coisas com temas de velho oeste (principalmente se considerarmos as décadas de 60, 70), e um desenho em particular, chamava a atenção naquela época, era Wild West C.O.W. Boys of Moo Mesa, e como é lei até hoje, todo produto de sucesso vira jogo (Quer apostar quanto que a Tec Toy vai dar um jeito de fazer um Guitar Idol Restart, dá medo só de pensar nisso, hehe!) Pois bem, a Konami aproveitou a onda, e produziu um "sucessor espiritual" para Sunset Riders, mas que infelizmente ficou nos arcades.




O Jogo
O Vilão The Masked Bull sequestrou a mocinha Lily Bovine, e os quatro mocinhos, Bufalo Bull, Montana, Cowlorado e Dakota saem ao resgate dela, mandando bala nos asseclas de Masked Bull, por estágios variados, porém todos baseados no velho Oeste.

Nunca cruzar o velho oeste foi tão divertido quanto nesse jogo!


Jogabilidade:
Completamente igual a de Sunset Riders, mas dessa vez ao menos a Konami foi boazinha e colocou uma barra de vida de 3 pedaços, para não desesperar tanto os jogadores. De resto continua, atire nos inimigos, escape de suas balas e vença os chefes.

Algumas fases, tem setores que lembram shmups horizontais, com uma águia te pendurando e você indo para os quatro lados da tela.
O sistema de power-ups é simples, um power up pra aumentar o tiro e um para o rapid fire. Há alguns power-ups especiais, que você adquire atirando nas galinhas voadoras (q), e são usados com os dois botões juntos (pulo+tiro), que sem power-up especial, fazem o personagem disparar numa chifrada que ajuda bastante.


Gráficos:

Coloridos, os personagens lembram os do desenho. Os cenários estão bem feitos e são diferentes entre si. Bicho, acho que eu tô ficando velho porque eu não tenho mais nada pra falar.



Sons:
Sabe aquela tal de Michiru Yamane, que compôs as músicas de um certo jogo que acho que é famoso (acho que é... Castle... Castle alguma coisa com sinfonia da Noite)? Pois é, ela também trabalhou aqui, e modéstia a parte, ficou muito bom. As canções lembram o oeste, mas são animadinhas e bem compostas. As vozes, mesmo sendo originais do desenho, não estão boas, parecendo um tanto roucas.

Finalizando:
Se você tem alguns controles USB sobrando, chame os amigos pra muvuca, porque o melhor de WW Cowboys of Moo Mesa é o multiplay, já que são quatro jogadores, um pode defender o outro, nessa pérola da Konami, que ficou nos arcades, como tantas outras. Se Sunset Riders não teve continuação, esse aqui é um bom sucessor, descompromissado e difícil, além de divertidissimo!

Nota: 9/10

Nenhum comentário:

Postar um comentário