16 de dez de 2014

Hatred: Tio Gabe não gostou do jogo


O polêmico Hatred não teve nem tempo de esquentar a cadeira na Steam Greenlight e foi removido algumas horas após sua inclusão.

Mesmo com um bom numero de votos, Doug Lombardi da Valve comentou que, "Baseado naquilo que temos visto no Greenlight não publicaremos Hatred no Steam. Portanto será retirado." A campanha neste momento já não se encontra disponível.

A desenvolvedora Destruction Creations não deixou por menos e cutucou a decisão comentando que respeita a decisão "apesar de Manhunt e Postal ainda estarem disponíveis" na loja.

"Queremos garantira vocês que isto não terá qualquer impacto no desenvolvimento do jogo, na sua visão ou funcionalidades de jogabilidade. A data de lançamento continua a ser Q2 2015 como planejado", disse o estúdio.

"Mais ainda, não pensamos nisto como um falha, porque mais uma vez isto mostrou-nos um grande apoio da comunidade com o qual ficamos impressionados. Após apenas algumas horas depois da campanha Greenlight ter começado, Hatred conseguiu 13,148 votos positivos e acabou na sétima posição do Top 100".
"Isto é a melhor prova para nós que existem fãs dedicados de Hatred, à espera do lançamento, e que precisamos de continuar a avançar para oferecer um jogo entusiasmante e desafiante".
"Toda a situação apenas nos dá força para ir contra qualquer adversidade e não desistir. Também nos faz querer deixar os fãs reservar o jogo em breve, já que muitos têm pedido isso".
"No final, vocês, os jogadores, é que vão julgar se conseguimos criar um jogo que é divertido de se jogar".
Um jogo tão controverso quanto Hatred ter dificuldades para ser lançado em uma plataforma como a Steam, que disponibiliza Manhunt, Manhunt 2 da Rockstar e Postal da Running with Scissors em sua loja virtual, chega a ser irônico.

Tio Gabe já foi mais liberal


Se não houverem imprevistos o jogo será lançado no segundo trimestre de 2015.

Fonte: vg247






Nenhum comentário:

Postar um comentário