4 de fev de 2011

Mario Kart DS

Não, ainda não comprei um DS, mas a carroça que tenho aqui é potente o suficiente para rodar o emulador de DS, então Heya! Vocês terão reviews de Nintendo DS (poucos até eu comprar um DS) aqui no Blog também. O caso é que adoro Mario Kart desde meu SNES (foi meu segundo jogo, que curiosamente tinha a capa e a label da versão de N64, mas sem o 64, provando que usavam o photoshop na época melhor que hoje em dia). E o jogo naturalmente foi evoluindo, até chegar nas recentes versões DS e Wii (Além da versão 3D que está no forno para o 3DS). Vamos a uma análise da versão DS de Mario Kart.*A emulação do Som de DS não saiu muito bem no meu pc

Assim como todos os anteriores, Mario Kart DS é uma série de Torneios de corridas entre os personagens da franquia Mario. Isso você já sabe desde o SNES. O que difere Mario Kart DS de seus antecessores, é o que vem por trás do jogo. Se você, acostumado a jogatina relativamente simples e sem mudanças na base, como no SNES, N64 (multiplayer 4p era a novidade), GBA (Vs via link). Muitas novidades para quem passou um bom tempo longe do la
do Nintendo da
Força.


Primeiramente, o Básico do Mario Kart está lá, intacto, o modo Mario GP e seus campeonatos estão lá para deleite dos tradicionalistas. O modo Versus, está disponível, é claro, via Multiplayer, o que complemente a diversão e aumenta a vida útil do jogo. Porém, aí começa a revolução do jogo, primeiro, nem todos os campeonatos estão abertos logo de cara (O que aconteceu em MK 64 por exemplo), o que remete ao Super Mario Kart. Segundo, de cara, são 16 pistas abertas, em quatro campeonatos, e o que agrega valor: Os campeonatos retrô, aonde você joga nas pistas clássicas de outros mario karts, como o Double Dash (Cube), Super Circuit (GBA), Mario Kart 64 e Super Mario Kart.


A jogabilidade, é excelente, os itens voltaram a ter sua utilidade, mas não são tão apelões quanto no Super Mario Kart, e a Inteligência Artificial do jogo é ótima, dando trancos e usando itens em você.
Graficamente é maravilhoso, os modelos estão excelentes e as animações fluem bem. As representações dos cenários clássicos de SNES estão ótimas e as adaptações dos cenários do Cube, N64 e GBA estão lindas, os cenários originais não deixam por menos.
O jogo não faz muito uso da tela de toque do DS, o que é uma benção, pois muitos dos jogos deixam de ser bons, exatamente por usarem mal os recursos da touch screen do DS. Não sabe como usar a tela num jogo? NÃO USE e faça um bom jogo.

Sonoramente irei pular essa parte, por motivos óbvios*, leia o começo da resenha.

A resenha pode ter ficado curta, mas já são 11 e meia da noite (hora em que escrevo essa review) e tenho que trabalhar amanhã de manhã. Esse jogo é a MELHOR VERSÃO de Mario Kart já lançada e vale a pena tê-la no seu portátil, mesmo porque, são raros os bons jogos que agregam conteúdos simples e que só melhoram a experiência final.

Mario Kart DS leva uma nota:

100/100
E o Nosso selo Darth Vader de qualidade. Fiquem ligados no nosso próximo Review, em breve!

Nenhum comentário:

Postar um comentário