17 de mar de 2010

FINAL FIGHT 3 (SNES)

Olá meus caros, depois de algum tempo longe dos holofotes retorno com mais uma análise, esmagadora (Qual é, preciso massagear meu ego de vez em quando também).

Hoje trago a vocês o aclamado Final Fight 3, sei que ultimamente ele tem sido comentado com freqüência em alguns blogs, deve ser é o mês do Beat´n Up´s, hahahaha! É eu sei, não teve graça.
Então, Final Fight 3 é um dos games que me impressionou muito na adolescência, talvez seja pelo fato de acrescentarem a barra de especial(Você a carrega dando porrada em alguém), a trilha sonora, jogabilidade ou talvez seja a estreante Lucia, que esta usando um Jeans pequenino, junto daquele top coladinho mostrando o volume daqueles imens...
Bem, já perceberam que há personagens com muito carisma, agora junte isso a uma historia que não passa de um pretexto para o ex – prefeito Haggar e seus amigos descerem o cacete nos marginais.
Mas de qualquer forma, a nossa  historia começa com uma onda de vandalismo e ataques terroristas, atribuídas à gang Skull Cross (Já que a Mad Gear teve sua bunda chutada com muita brutalidade duas vezes), e nossos intrépidos guerreiros decidem por um fim nos planos maléficos da gang.
E é nesse enredo maravilhoso que nossos destemidos veteranos e mais dois novatos (Lucia & Dean), entram em campo, armados somente com seus punhos e aquilo que encontram debaixo do lixo e seus especiais.
Ah, sim, agora eles possuem golpes especiais para finalizar com seu oponente, vejam a lista dos personagens e seus respectivos especiais:

Dean (novato): É a cara do Charlie (Street Fighter Alpha) com o poder elétrico de Blanka (mais um Street Fighter), adora eletrocutar seus inimigos, e tem um ótimo ataque quando se encontra rodeado de inimigos.

Haggar (Veterano): È quase um super sayajin, não envelhece, esta duas vezes mais forte do que antes, e seu bigode continua vistoso.

Guy (Veterano): Depois de um tempo treinando com Ryu, conseguiu adquirir um pouco do Hadouken, porém não consegue utilizar com a mesma eficiência.
Mas ao menos continua sendo o mais rápido do game seria estranho se fosse lento, uma vez que pertence a uma família de ninjas.

Lucia (Novata): Simplesmente é bela, ágil e tem o poder de espancar o inimigo de forma brutal utilizando somente suas pernas e em seu especial, ela finaliza com uma giratória aérea capaz de incinerá-los, Vamos dizer que ela tem o poder do fogo e possivelmente foi treinada pelo Chuck Norris.

Ok, com nossos personagens selecionados, começaram a jogatina e vamos analisar os prós e contras do jogo.
FF3 tem uma jogabilidade simples e os controles respondem maravilhosamente bem, pode ser jogado até mesmo pelo seu avô que nunca pegou um controle de game na vida.
Agora quanto ao tempo da jogatinha, eu consegui zerar o game em 1 hora (Juro!), no passado, eu chegava a ter espasmos para fechar o game, e o vazia no mínimo em 4 horas, sem pausar, que fique bem claro.
E hoje que já sou homem crescido e experiente (hahahaha) não cheguei a suar para zerar o game, e não utilizei nenhum continue.
Nas minhas lembranças o game era tão difícil (Shame on me), mas isso não o torna ruim, pois tudo aquilo que gerou fãs da série ainda esta lá.
Personagens carismáticos e bem desenhados, trilha sonora cativante, apesar de não ser a melhor da série.
Os cenários são repletos de cores e com uma coisinha ou outra para destruir por puro prazer.

Conclusão Final Fight 3 é um ótimo jogo, porém passa longe de ser o melhor da série, mesmo com vários pontos ao seu favor, Final Fight 2 ainda é o melhor incontestavelmente.

Espero que todos tenham gostado um grande abraço e até a próxima.

8 comentários:

  1. Grande jogo! Este eu fiz questão de ter em cartucho... er... mesmo sendo um cartucho pirata... hehhehee...

    E eu prefiro o 3 do que o 2, apesar de gostar de ambos. Questão de gosto.

    ResponderExcluir
  2. Tem tanto tempo que não jogo FF3 que nem lembro mais como é o jogo! :P

    Legal ver os posts pelas blogosfera retrogamer e relembrar daquele jogo que você à teeeempos rs

    Gostei do post!

    ResponderExcluir
  3. Não consigo gostar de Final Fight. Quanto mais do 3.
    Não sei porque, mas acho que esse jogo só é relevante por ter sido o primeiro. Todos os outros são melhores.

    Faço uma lista sem esforço:
    Rushing Beat,
    Undercover Cops,
    Street of Rage II e III,
    Captain Comando e assim vai.

    Por isso acho perda até de tempo jogar Final Fight. A não ser pelo Mighty Final Fight do Nes que é ótimo.

    ResponderExcluir
  4. Eu gostei do Post, viu?
    Meu problema é com o jogo.
    Você? Arrasa Nem!

    ResponderExcluir
  5. Muito bom!!! Concordo com o Breder, eu também prefiro o 3, pena que não tem a Maki! heheheh

    ResponderExcluir
  6. Muito 10! também prefiro o 3 ao 2 , e como GLstoque disse acima, o Mighty Final fight também chuta bundas!

    ResponderExcluir
  7. @André
    Ah, Final Fight é um game para ser ter o cartucho mesmo, não importa o quanto se jogue sempre é bom re-jogalo ;)

    @Zolini
    Ah, sempre é bom relembrar games crassicos, hahaha!!
    Valeuz pela visita Zolini! volte sempre ;)

    @Gl
    Hahhaha só tu mesmo, mas valeuz pelos elogios, adoróóó!
    Hahahaha!!
    Abrax ;)

    @Nesbitt
    Mighty Final fight chutas bundas vigorosamente, esse é um game do Nes muito foda, e concerteza aparecerá aqui no N.O.P :D
    Valeuz pela visita meu caro :D volte sempre ;)

    ResponderExcluir
  8. Joguei muito esse game mas nunca zerei, aliás esse é meu defeito muito jogo e pouca conclusão he he, só não conseguia fazer o "especial" do Dean não são todos iguais no comando? dããã~...
    Abraço!
    http://quemtaai-logan.blogspot.com/
    http://mastersystemgames.blogspot.com/

    ResponderExcluir